Arquivo Geral de Publicações do Blog

Postagens Recentes

Postagens Recentes

Barra de Vídeos - Tema Selecionados

Loading...

sexta-feira, 17 de maio de 2013

ALEX COLLIER: Sobre o 30 de Dezembro de 2013



Alex Collier - Sobre o 30 de Dezembro de 2013 - 8

 

Assistam acima este vídeo que traz o trecho de uma Palestra de Alex Collier, que tem como tema "O Lado Oculto da Lua" e vejam as referências que ele faz sobre a data de 30 de dezembro de 2013.
Não deixem de assistir mais abaixo o vídeo completo da Palestra "O Lado Oculto da Lua e Marte" com Alex Collier.



ALEX COLLIER - O lado oculto da Lua e Marte ( Completo )



Carregado em 05/03/2009


"Vamos falar sobre a lua e vamos enfocar o lado oculto da lua.
Como já contei em outras conferências, a lua veio originalmente da Ursa Menor e tem 6,2 milhões de anos.
Era uma das quatro luas ao redor do 17º planeta do sistema, na língua de Órion se denomina Chow Ta.
Era uma base fortaleza para os membros do grupo de Órion e foi uma vez,
segundo os andromedanos, habitado por aproximadamente 5 milhões de militares do grupo de Órion.
A lua foi intencionamente colocada na cauda de um asteróide que a trouxe ao nosso sistema solar há mais de 11.000 anos atrás.
A origem da lua não é a terra, que é a teoria que é ensinada nas escolas.
A lua é mais antiga que a terra. Este mesmo asteróide que trouxe a lua pra cá,
rodeia nossa galáxia a cada 25.156 anos da terra.
A lua, em sua história, esteve habitada periodicamente durante 1.8 milhões de anos.
Agora está sendo habitada de novo e muitas das estruturas originais na superfície foram destruídas durante as guerras da Liga Negra, que foi uma batalha lutada entre humanos contra o Império de Órion.
O verdadeiro complexo militar estava no subsolo.
As entradas estavam em ambos os polos, as montanhas de Taurus e a cratera de Jules Verne (do lado Oculto) e Arquimedes (no lavo visível); todas eram as entradas originais quando o grupo de Órion esteva lá.
Porém, o governo secreto criou mais aberturas e atualmente andou expandindo os complexos subterrâneos.
A expansaão é para o funcionamento de agendas científicas e militares privadas para a Nova Ordem Mundial.
Muitas das crateras na lua foram usadas como hangar para naves espaciais.
As grandes crateras eram capazes de abrigar 200 naves ou mais.
Algumas das creteras têm uns 185 km de largura.
O pessoal consistia em híbridos entre humanos e greys e híbridos entre humanos e reptilianos. As bases da superfície consistiam em 9 cidades abovedadas (cúpulas).
A vegetação era cultivada dentro destas estruturas.
Pequenos lagos foram espalhados ao redor da superfície.
O resto dessas estruturas abovedadas foram descobertas por astraonautas do NSA, astronautas russos e os astronautas da Apolo.


Fonte: YouTube



Vejam estes outros trechos da palestra de Alex Collier:


Alex Collier - Sobre o Despovoamento, Consciência e o Universo - 9



Alex Collier - Sobre o Apocalipse - 10


 
Alex Collier - Alerta sobre o ocorrido no 11/Set - 11


Alex Collier - Previsões para os próximos 19 anos - 12





Outros vídeos de Alex Collier no YouTube:





Fontes:
http://www.shinydemise.com/2008/10/al..
http://sementesdasestrelas.blogspot.com.br/ 
http://futurodanovaterra.blogspot.com.br/
 

Um comentário:

  1. MUITO GRATA POR COMPARTILHAR !
    ONTEM DOMINGO , DURANTE A TARDE VI O VÍDEO COMPLETO !
    COMENTO SÓ HOJE , PORQUE ESTIVE A "DIGERIR " A INFORMAÇÃO !
    QUE LOUCURA !!!! ( DESCULPE A EXPRESSÃO )
    NUNCA ME PASSOU TAL COISA PELA CABEÇA !
    SOU MUITO LIGADA AO AMOR , PRESO A PAZ A ALEGRIA , AMIZADE , RESPEITO ............E O QUE LI , CHOCOU-ME !
    PORÉM MUITA COISA FEZ SENTIDO PARA MIM E
    ME LEVOU AO ENTENDIMENTO E COMPREENSÃO DE
    QUESTÕES , SOBRE AS QUAIS NÃO ENCONTRAVA RESPOSTAS .
    ABRAÇO .





    ResponderExcluir

Grato pela vossa visita e volte sempre.
Antes de comentar leia por favor:

1. Os comentários deste blog são todos moderados e nos reservamos no direito de publica-lo ou não;
2. Escreva apenas o que for referente ao tema;
3. Não publicaremos comentários que visem promoção pessoal ou de site, de blog, de canal ou de qualquer página na internet;
4. Tampouco publicaremos comentário com publicidade, propaganda ou divulgação de empresas, negócios, partidos, religiões ou seitas;
5. Ofensas pessoais, vocabulário de baixo nível ou spam não serão aceitos;
6. Não fazemos parcerias, debates, discussões ou acordos por meio de comentários;
7. Para entrar em contato acesse nosso formulário de contato no rodapé da página;
8. Grato por participar e deixar aqui o vosso comentário.