domingo, 30 de junho de 2013

ARMAS PSICOTRÔNICAS: A Tecnologia de Microondas e Seu Uso Contra a Humanidade





Temos estado a lhes dizer que a tecnologia avançada de micro-ondas está sendo usada contra a raça humana. Temos recebido muitas críticas dos céticos, mas as coisas finalmente estão aparecendo sobre este assunto. Estamos aqui incluindo material que pode tornar as coisas mais claras.
No livro, “Cross Currents”, de Robert O. Becker, M.D. (Jeremy P. Tarcher, Inc., 5858 Wilshire Blvd., Suite 200, Los Angeles, CA, 90036), o autor cobre os perigos da radiação eletromagnética, bem como as promessas da eletro-medicina. O apêndice dele é “A Mão Oculta no Interruptor: Os Usos Militares do Espectro Eletromagnético”

Os Novos Campos Assassinos: Armas Eletromagnéticas

Conquanto os militares tenham vigorosamente negado a própria existência dos bio-efeitos da exposição ao campo eletromagnético, tais bio-efeitos estão atualmente sendo explorados como armas potenciais – armas com a vantagem enorme de serem completamente silenciosas e imperceptíveis.
O conceito de EMP [Pulso eletromagnético] tem sido estendido através do desenvolvimento de aparelhos que geram pulsos eletromagnéticos sem a necessidade de explosões nucleares. Tais aparelhos podem ser empregados para uso contra comandos inimigos e centros de controle e contra aeronaves para produzir a falha do equipamento eletrônico. Um derivativo deste programa é o HPM (micro-onda pulsada de alta energia), um sistema que produz pulsos de micro-ondas intensos e extremamente curtos. Vários tipos, variando em frequência de 1200 MHz a 35 GHz com energia acima de 1000 megawatts, estão sendo testados. Estes também são considerados para uso potencial como armas contra seres humanos.
Um recente relato derivado do programa de testagem do Departamento de Pesquisa de Micro onda do Instituto de Pesquisa do Exército Walter Reed afirma, “A energia de micro-ondas no alcance de 1 a 5 GHz, um importante alcance militar, penetra todos os sistemas de órgãos do corpo e assim põe em risco todos os sistemas.” Os efeitos sobre o sistema nervoso central são considerados muito importantes. O programa de testagem, que começou em 1986, foi dividido em quatro partes:
(1) efeitos imediatos de debilitação;
(2) efeitos imediatos de estimulação por meio auditivo;
(3) efeitos de interferência/parada de trabalho; e
(4) efeitos no estimulo do comportamento controlado.
O relato continua para afirmar, “Os pulsos de micro-ondas parecem se acoplar ao sistema nervoso central e produzir um estímulo similar ao estímulo elétrico não relacionado ao calor”. Parece que o HPM é capaz de alterar o comportamento do mesmo modo da estimulação elétrica de Delgado.
A produção de alteração cognitiva e comportamental pela HPM [micro-onda pulsada de alta energia] é um efeito “de marreta” em comparação as sutis alterações produzidas pelos campos ELF [frequência extra baixa]. Segundo uma revisão de biotecnologia de 1982 da Força Aérea dos EUA, ELF tem um certo número de potenciais usos militares, inclusive “lidar com grupos terroristas, controle de multidão, controle de falhas na segurança de instalações militares e técnicas antipessoal na guerra tática”. O mesmo relato afirma, “Sistemas eletromagnéticos podem ser usados para produzir de media a severa interrupção psicológica ou interrupção da percepção ou desorientação. Elas são silenciosas, e as contra medidas para elas podem ser difíceis de serem desenvolvidas”.
PS: Ouvi da nossa estação de transmissão que os Laboratórios Nacionais de Los Álamos disseram que podiam fazer armas eletromagnéticas para colocar em estado de choque ou matar pessoas. Também que FEMA tinha um plano de lei marcial, e muitos helicópteros negros sem marcas que tem sido vistos especialmente no Colorado etc.
Descobri estas referências em “Cross Currents”:
Tyler, Paul E: “O Espectro Eletromagnético no Conflito de Baixa Intensidade”. No Conflito de Baixa Intensidade e Tecnologia Moderna, editado pelo Tenente Coronel David J. Dean, da Força Aérea dos EUA, Centro de Doutrina Aeroespacial, Pesquisa e Educação, Base da Força Aérea de Maxwell , Ala.: Air University Press, 1986. Este artigo discute o uso direto de campos eletromagnéticos contra pessoal.
“Departamento de Pesquisa de Micro-ondas Walter Reed: Sua História e Missão [Parte I de duas partes].” Na Newsletter da Sociedade de Bioeletromagnática, jan/fev 1989. Discute a micro-onda e a energia pulsada na medida em que isto se relaciona ao uso anti-pessoal. A Sociedade de Bioeletromagnética tem fortes links com a Instituição militar e é considerada uma fonte de autoridade.
Steneck, Nicholas H. O Debate das Micro-ondas. Cambridge, Mass.: MIT Press, 1984. História da Tecnologia Militar de Micro-ondas. Detalhes de projetos secretos apresentando riscos de radiação.
Implantes Militares e Tecnologia de Micro-ondas – depoimento de fonte desconhecida
Há atualmente um sistema eletrônico de controle mental extremamente eficaz e muito difícil de detectar. Isto está definitivamente sendo usado ao menos em uma pessoa na Califórnia e provavelmente em muitas mais na América. É mais provável que esteja sendo usado por membros do governo dos EUA [CIA, Departamento de Defesa, NSA], os Illuminatis, a Fraternidade, ou a secreta “Sociedade Grega”. Essencialmente, os grupos acima se entrelaçam e são vistos como ‘A Organização”. Eles são especialistas em sigilo, acobertamento, terrorismo e controle mental. Eles se vêem como “iluminados”. Eles são essencialmente criminosos organizados que cometem maciços abusos, terrorismo, tortura, controle mental, escravidão e assassinato.
Suas técnicas mais comuns são usar a modificação do comportamento e a hipnose em uma pessoa sob o gás éter ou outro anestésico geral. Isto faz com que a pessoa esteja extremamente sob controle mental quando lhe é dado um sinal pós hipnótico auditivo ou visual. Eles chamam a esta criação um “escravo” ou coloca-lo em um “sono grego”. Porque as técnicas e as drogas fazem com que a pessoa tenha uma amnésia completa para os comportamentos que foram instruídas a executarem enquanto em transe hipnótico. Então os membros da Organização financeiramente, mentalmente, fisicamente e sexualmente abusam da vítima ou “escravo”. Se a pessoa começa a recordar o condicionamento ou os abusos, lhe é dito que foi “apenas um sonho” ou “você está maluco”, isto não aconteceu. Frequentemente a vítima também recebe drogas bloqueadoras da memória e choques elétricos na cabeça para apagar as memórias.
A Organização usa extensamente as técnicas acima. Infelizmente, várias técnicas extremamente avançadas e sofisticadas tem sido desenvolvidas e utilizadas por vários anos:
1. Uma pessoa é colocada sob anestesia geral em um local cirúrgico. Isto geralmente é feito a noite, enquanto a vítima está dormindo. O gás éter é injetado no quarto da pessoa e a vítima é drogada e levada embora. Esta sedação involuntária e também como outros condicionamentos, tortura e abusos, são frequentemente realizados. Alternadamente, apenas é dito a vítima mentiras sobre a necessidade de uma cirurgia.
2. Uma incisão é feita exatamente atrás da orelha ou dentro do canal auditivo com técnicas de cirurgia plástica. Quando curado, parece uma dobra na pele. O procedimento completo é frequentemente realizado sem que a pessoa o perceba;
3. Incrivelmente, uma placa de eletrodo miniaturizada é inserida sob o crânio e perto do cérebro próximo da área pré-fala do cérebro. Ela tem sensores de microchips extremamente poderosos e pequenos, bateria e transmissor.
4. Os sensores-transmissores, que é uma micro-tecnologia do eletroencefalograma, leem as ondas cerebrais e transmitem um sinal digital. O sinal é extraordinariamente forte para um aparelho tão pequeno. O sinal pode viajar várias milhas. Ele é captado por um receptor de retransmissão e transmitido a um computador onde instantaneamente o software lê os dígitos e os convertem em linguagem. Tudo isto é feito na velocidade das ondas de rádio, ou na velocidade da luz.
5. Efetivamente, uma pessoa com implante involuntário tem cada pensamento lido sem saber disso. Parece ficção científica ou paranoia, não é? Mas isto não é ficção científica e não é produto de uma psicose. É absolutamente verdadeiro. A tecnologia é esta avançada, e a organização criminosa é que é psicopática. A Organização confia que isto pareça tão bizarro e odioso que ninguém acredite nisto. Qualquer um que revele seus métodos diabólicos é facilmente desacreditado, aterrorizado, controlado mentalmente ou assassinado pela Organização.
6. Acompanhando esta “leitura de pensamento” acima descrita, as técnicas são também de técnicas de “inserção de pensamentos”. O som subliminar de frequência muito baixa tem sido usado a anos para “inserir” ideias na mente de uma pessoa. Basicamente, os sons subliminares de frequência muito baixa são percebidos pela pessoa como seus próprios pensamentos. Isto contorna o sistema auditivo normal, mas o conteúdo das palavras é percebido. Porque isto é tão sutil, se a transmissão é feita na linguagem de primeira pessoa, uma pessoa desprevenida acha impossível descriminar a transmissão subliminar de seus próprios pensamentos.
Uma desvantagem da técnica de sons subliminares de frequência muito baixa é que outros na área também experimentam a mesma transmissão. Algumas vezes, as pessoas tem pensamentos simultâneos em uma situação, e isto pode refletir que alguém na área esteja usando a técnica de sons subliminares de frequência muito baixa.
7. Uma transmissão de som de controle mental é agora acompanhada por uma incrível técnica de rádio transmissão. Eles fazem uso de outra técnica cirúrgica para esta “inserção de pensamento”. A cirurgia plástica é usada para inserir um microchip receptor-transmissor sob a pele perto do tambor auditivo. Essencialmente, um é colocado perto de cada tambor auditivo, e por trás dos canais auditivos e assim não serão detectados. Uma transmissão de volume muito baixo é usada para que a pessoa não a perceba como som, mas como seus próprios pensamentos. Efetivamente, uma pessoa com implantes involuntários tem pensamentos inseridos sem saber disto.
8. Resumindo, há duas técnicas avançadas básicas:
1.) implante de leitura de pensamento.
2.) implante que insere pensamentos.
Juntamente com as técnicas padrão de controle mental há uma tecnologia completa e grave de escravidão humana. As cirurgias são feitas sob anestésicos gerais que frequentemente incluem tempo para que a incisão cicatrize. É dito a pessoa que ela teve uma gripe severa ou qualquer outra doença para justificar o tempo da inconsciência. Alternativamente, simplesmente mentem a vítima sobre a cirurgia. A vítima não sabe que tem implantes que leem pensamentos ou os inserem eletronicamente. A pessoa nem mesmo sabe que tem implantes.
9. A maioria das pessoas não está familiarizada com os métodos da Organização e acham difícil acreditar nos fatos supra mencionados. Tenho descoberto que muitas pessoas com quem tenho conversado e discutido os assuntos acima também são vítimas de terrorismo básico ou controle mental. Parte do processo do controle mental é condicionar tão fortemente as pessoas com a idéia que elas são psicóticas ou estão em perigo de pensar que estas coisas acontecem.
Há bombeiros, policiais, advogados, médicos, engenheiros, clérigos, professores, jornalistas e outros membros de comunidades que conspiram para cometerem atrocidades. Vítimas que de nada suspeitam são mantidas indefesas. A Organização não tem consciência e os atos dela são tão maus que é até mesmo difícil acreditar. Eles são muito sigilosos, bem organizados e tem a mais recente tecnologia. Os membros da Organização são extremamente profissionais na mentira, engano, despersonalização e controle mental.
Deus é minha testemunha, estou lhe dando a minha palavra que o descrito acima é verdade, até onde pude apurar.
Nome e endereço retirados
[Estamos tão impressionados com a narrativa de Mr..... - que telefonamos para a Califórnia e tivemos uma longa conversa com ele. Ele disse que como psicólogo, trabalhava com pessoas a beira ou já apresentando problemas emocionais relacionados aos ses empregos ou obrigações de trabalho. Sentimos que este homem é muito inteligente e sincero em seus esforços de educar o público sobre esta tecnologia e seu uso no público desavisado. O que você leu é apenas uma pequena porção do que temos reunido com a ajuda de Glenda Stocks sobre esta abordagem diabólica para escravizar a humanidade.]




Publicado em: Nova Ciência,em 29 de maio de 2008, às 3:41 pm  

4 comentários:

  1. Deus tenha piedade...
    O fim dessa gente será triste...

    ResponderExcluir
  2. Qualquer um que revele seus métodos diabólicos é facilmente desacreditado, aterrorizado, controlado mentalmente ou assassinado pela Organização.

    ResponderExcluir
  3. Não são ser humanos são demônios, pois um ser humanos jamais faria isso com sua própria espécie. Não são humanos

    ResponderExcluir

Grato pela vossa visita e volte sempre.
Antes de comentar leia por favor:

1. Os comentários deste blog são todos moderados e nos reservamos no direito de publica-lo ou não;
2. Escreva apenas o que for referente ao tema;
3. Não publicaremos comentários que visem promoção pessoal ou de site, de blog, de canal ou de qualquer página na internet;
4. Tampouco publicaremos comentário com publicidade, propaganda ou divulgação de empresas, negócios, partidos, religiões ou seitas;
5. Ofensas pessoais, vocabulário de baixo nível ou spam não serão aceitos;
6. Não fazemos parcerias, debates, discussões ou acordos por meio de comentários;
7. Para entrar em contato acesse nosso formulário de contato no rodapé da página;
8. Grato por participar e deixar aqui o vosso comentário.