segunda-feira, 31 de março de 2014

ATENÇÃO, CONFIRMADO: VÔO 370 da Malaysia Airlines foi sequestrado… (VIDE ATUALIZAÇÕES)



Philip Wood

Philip Wood

Technical Storage Executive at IBM Malaysia Sdn Bhd China  Hardware

Faça parte do LinkedIn e visualize o perfil completo de Philip Wood É de graça.

Ver relação de passageiros da Malaysia Airlines em que consta o nome de Philip Wood, passageiro de número 171 na relação do vôo 370, aqui.

——————————————————————————————-



Imagem e dados Exif: Uma arma fumegante



O Exif está intacta. Dados Exif ficam embutidos em cada imagem, em cada câmera e inclui as circunstâncias em que a foto foi tirada. Ele pode ser visto basta salvar a imagem (mesmo estando completamente negra) em seu desktop, em seguida, clique no lado direito sobre a imagem e selecione propriedades da imagem.



voo370
A foto acima (em preto) postada pelo engenheiro, com os dados de GPS das coordenadas da Base Diego Garcia



Clique na guia detalhes. Você pode ver que a imagem foi tirada em 18 de março com um  Iphone5, com o ISO em 3200 e um obturador de 1/15. As coordenadas são incluídas nos dados EXIF ​​porque o iPhone5 sabe onde está e as coordenadas são para a BASE de Diego Garcia dos EUA. PELA PRIMEIRA VEZ UMA FOTO EM PRETO DISSE TUDO.
O Exif não pode ser reescrito com software comum, só pode ser adicionado em áreas como créditos de imagem com algumas aplicações avançadas. Ele pode ser apagado também, mas não se alterou. Fotos com o exif intacto irá ser apresentada no tribunal. Se o Exif é cortado e isso não aconteceu, a CIA ou realmente um hacker muito bom fez isso, o que eu duvido, eu diria que é provavelmente real.



Diego-Garcia-Island_Chagos-Islands_VQ9HF_DX-News
Vista aérea de satélite da enorme pista da Base de Diego Garcia no Oceano Índico, pertencente às forças armadas dos EUA.



Em torno dessa história esta o fato de que o homem que conseguiu essa informação para Farganne (membro do fórum Glitch) foi assediado e recebeu muitas mensagens de voz ameaçadoras contra ele, o que já é uma outra evidência que aponta para isso como sendo real. Uma coisa é certa, agora que foi postado aqui no site o gênio saiu da garrafa.
Eu não posso enfatizar o quanto é importante que as coordenadas de GPS na foto não combinarem perfeitamente com o que diz o Google e não são postados em qualquer lugar na web, porque prova que a fonte dessas coordenadas não veio do google ou da Wikipedia, ela realmente foi feita e tem sua origem no dispositivo de imagem que teria que estar localizado na Base em Diego Garcia, quando a foto foi feita.

Queridas FORÇAS ARMADAS dos EUA (ou quem esta utilizando Diego Garcia): o jogo acabou. RETORNEM O VÔO 370 da Malaysia Airlines, DEVOLVAM OS PASSAGEIROS para SUAS FAMÍLIAS, E ENVIEM PHILLIP WOOD PARA CASA. Vocês foram desmascarados!


————————————————————————————


UMA POSSÍVEL PISTA PARA O MOTIVO DO SEQUESTRO


manipulação



Apenas quatro dias após o vôo MH370 da Malaysia desaparecer, uma patente de semicondutor da empresa   Freescale Semiconductor foi aprovada pelo escritório de patentes dos EUA. Todos os dias patentes são aprovadas no mundo inteiro em todos os países.

Mas nesse caso é que esta patente pertence a empresa controlada por ninguém menos que Jacob Rothschildatravés da empresa Blackstone Inc.


Freescale Semiconductor: Vinte de seus Funcionários esta confirmado eram Passageiros do vôo 370 da Malaysia Airlines-Flight MH370

AUSTIN, Texas- (BUSINESS WIRE) – março 8, 2014 – Freescale Semiconductor (NYSE: FSL) confirmou que 20 de seus funcionários foram confirmados passageiros da Malásia Airlines Flight MH370 em rota de Kuala Lumpur para Pequim. Doze são da Malásia e oito são da China. A totalidade da empresa Freescale Semiconductor e sua comunidade está profundamente triste com esta notícia. A empresa continua a acompanhar a situação e irá fornecer mais informações assim que estiverem disponíveis.”No momento, estamos apenas focados em nossos funcionários e suas famílias”, disse Gregg Lowe, Presidente e CEO da Freescale.”Nossos pensamentos e orações estão com aqueles afetados por este trágico acontecimento.”A empresa reuniu conselheiros e outros profissionais através do Programa de Assistência ao Empregado da Freescale, com o apoio para todos aqueles afetados por esta tragédia”.http://media.freescale.com


Uma infeliz coincidência revela contornos sombrios quando se descobre que a história que circula informa que os co-autores da patente, e portanto também donos da nova invenção, todos eles estavam naquele VÔO 370. 


A Freescale Semiconductor(NYSE: FSL) é EMPRESA líder mundial em soluções de processamento incorporadas, fornecendo produtos líderes da indústria que estão avançando os setores automotivo, de consumo, industrial e os mercados de trabalho em rede. De microprocessadores e microcontroladores a sensores, circuitos integrados analógicos e conectividade – as tecnologias são a base para as inovações que tornam o mundo mais verde, mais seguro, mais saudável e mais conectado.

Alguns dos principais aplicativos e mercados finais incluem segurança automotiva, veículos híbridos e totalmente elétricos, infra-estrutura sem fio de próxima geração, gestão de energia inteligente, dispositivos médicos portáteis, aparelhos de consumo e dispositivos móveis inteligentes. A empresa está sediada em Austin, Texas, E tem núcleos de design, pesquisa e desenvolvimento, fabricação e operações de vendas ao redor do mundo.


ContagemRgressiva



EM 17 DE MARÇO FOI PUBLICADO O SEGUINTE:




Os investigadores acreditavam, “com um alto grau de certeza” de que os sistemas de afinação da localização do avião da Malaysia Airlines, o Boeing 777-200ER para controle de tráfego aéreo foram desligados manualmente antes do avião mudar seu curso para oeste sobre o mar de uma forma “consistente como uma ação deliberada”, disse o primeiro-ministro da Malásia em uma conferência de imprensa na capital Kuala Lumpur, no sábado.
“Apesar de relatos da mídia de que o avião foi sequestrado, quero ser muito claro: nós ainda estamos investigando todas as possibilidades sobre o que causou ao vôo MH370 se desviar de sua rota de vôo original”, disse Razak, acrescentando que esse foi um “momento excruciante para as famílias das pessoas a bordo “.
O Transponder do avião foi desligado manualmente e suas comunicações de aeronaves Addressing and Reporting System (ACARS) também foi desligado, disse Najib. Enquanto isso, as autoridades norte americanas com conhecimento da investigação disse que o avião experimentou flutuações selvagens em altitude depois que mudou de rumo.


As investigações devem focar motivos criminosas e terroristas, disse Rohan Gunaratna, um especialista em terrorismo da Universidade Tecnológica de Nanyang, em Singapura.


Diego Garcia-baseEUA.01-gif
Diego Garcia, a maior ilha e mais ao sul do arquipélago, abriga bases navais, centro de comunicações, base aérea e de submarinos dos Estados Unidos.





illuminati-red-black




NOTAS: 

(*) Exchangeable Image File Format (EXIF): é uma especificação seguida por fabricantes de câmeras digitais que gravam informações sobre as condições técnicas da captura da imagem junto ao arquivo da imagem propriamente dita na forma de metadados etiquetados. A especificação usa os formatos de imagem JPEGTIFF rev.6.0 e o formato de áudio wave RIFF.

(**) Base de DIEGO GARCIA: O Território Britânico do Oceano Índico foi estabelecido em 8 de novembro de 1965, consistindo dos arquipélagos de Chagos, Aldabra, Farquhar, ilhas Des Roches e Ilha Diego Garcia. 
Em 23 de junho de 1976, Aldabra, Farquhar e Des Roches foram entregues às Seicheles em razão deste país ter se tornado independente. Consequentemente, o Território ficou a consistir somente de um grupo de seis ilhas, incluindo o Arquipélago de Chagos. A maior ilha e mais ao sul, Diego Garcia, abriga bases navais, centro de comunicações, base aérea e de submarinos dos Estados Unidos.

diegogarcia-British_Indian_Ocean_Territory_on_the_globe
O Território é de posse do Reino Unido e administrado por um comissário que reside fora da ilha e por um Gabinete nacional em Londres. A defesa é da responsabilidade do Reino Unido; os Estados Unidos arrendaram Diego Garcia e o contrato vencerá em 2016.







Tradução, edição e imagens: Thoth3126@gmail.com
Fontes: http://theunhivedmind.com
             http://www.jimstonefreelance.com/phillipwood.html
Publicado por: http://thoth3126.com.br/


 * * * * * * * *



Avião da Malásia desviado para Diego Garcia ?










 terça-feira, 18 de Março de 2014





É difícil acreditar que no mundo hiper-vigiado de hoje, um avião do tamanho de um Boeing 777 desapareça durante 10 dias sem deixar rasto.



A investigação inicial foi recheada de contradições, a análise dos satélites dessa região tardia e surgiu um inhabitual conjunto de meios aéreos e navais rapidamente colocados no terreno, como se houvesse um interesse particular em chegar o primeiro ao local do suposto acidente ou em baralhar as pistas.





Circula na Internet, um documento que terá sido elaborado pelo departamento de Defesa da Federação Russa e no qual consta que um carregamento "altamente suspeito" terá sido descarregado na República das Seychelles pelo navio americano porta-contentores MV Maersk Alabama, no dia 17 de fevereiro deste ano.




Posteriormente essa carga foi carregada num voo dos Emirates em direcção a Kuala Lumpur, após uma passagem pelo Dubai. No dia 19 de fevereiro, ou seja dois dias depois, dois oficiais de segurança do MV Maersk Alabama foram encontrados mortos, a causa de morte ainda está a ser investigada.




No dia 8 de março, o carregamento terá sido transferido para o avião da Malásia agora desaparecido. Foi nessa altura que o Ministério de Segurança Chinês foi informado da suspeita relativa à carga transportada pelo avião. A China informou Moscovo que todas as medidas de segurança e discrição seriam tomadas quando avião entrasse no seu espaço aéreo.




A China planeava desviar o avião (com destino a Pequim) para o aeroporto de Haikou Melian, na ilha de Hainan.




Segundo tudo indica, o avião uma hora depois de descolar, terá emitido uma última comunicação verbal e desligado os seus sistemas de sinalização, de seguida terá efectuado um desvio "significativo" em relação à sua rota inicial, tendo tomado a direcção do Oceano Índico.




Terá baixado de altitude, passou a voar a 1500 metros de altitude, escapando assim aos radares. Informações iniciais revelaram que o sistema de monitorização dos motores Rolls Royce do avião continuaram a funcionar mais de quatro horas depois do seu desaparecimento. Este facto foi mais tarde desmentido.




O relatório avança que o avião ter-se-à dirigido para o atol de Diego Garcia, no arquipélago de Chagos, onde os Estados Unidos possuem uma das suas maiores bases navais, após terem deportado todos os seus nativos em 1970.







Essa base americana terá recebido, no dia seguinte ao desaparecimento do avião, quatro voos em que seguem a bordo especialistas americanos e chineses na prevenção e controle de doenças (CDC e CCDCP).




O carregamento suspeito poderá ter sido de armas biológicas, ou eventualmente químicas.




O avião poderá ter sido desviado, e até controlado à distancia em direcção a Diego Garcia, o que explica a abrupta mudança de rota, o difícil voo a baixa atitude em comando manual e a rota predefinida que permitiu escapar aos radares.




É difícil compreender que um avião deste tamanho desapareça num espaço aéreo tão vigiado, porque estratégico, como este.

Curiosamente, a análise do simulador de voo encontrado em casa do piloto, aponta como treino preferencial cinco aeroportos, um dos quais Diego Garcia.








Fonte: http://octopedia.blogspot.pt/



* * * * * * * *


MH370: INVESTIGADORES MALAIOS DIZEM HAVER EVIDÊNCIAS SELADAS

 
segunda-feira, 31 de março de 2014

 
Uma equipe de investigadores da Malásia disse a parentes de passageiros chineses a bordo do voo 370 da Malaysia Airlines que existem evidências seladas que não podem ser tornadas públicas, depois de ficarem sob o fogo dos mesmos em uma reunião.

As provas seladas incluem transcrições de rádio do controle de tráfego aéreo, dados de radar e gravações de segurança dos aeroportos.

A reunião se deu no Lido Hotel Metropark, em Pequim, e se focou na análise feita por um satélite do Reino Unido, que levou a concluir que o voo caiu no sul do Oceano Índico, perto de Perth, Austrália.

"Exigimos que vocês retirem o anúncio de que o voo MH370 terminou no Oceano Índico e continuem as operações de busca e resgate", disse um parente em uma entrevista.

O anúncio prematuro da localização dos destroços foi enviada através de uma mensagem de texto a parentes, em nome do governo da Malásia, cerca de uma semana atrás.

Desde então, foi descoberto que os objetos que tinham encontrado no mar não eram destroços, mas "lixo" aleatório não identificado - provavelmente resíduos do tsunami de 2011 no Japão.

Sarah Bajc, uma professora americana de 48 anos, apareceu recentemente na BBC News para discutir o desaparecimento de seu parceiro, Phillip Wood, um engenheiro da IBM.

Ele é um dos 277 passageiros a bordo do voo 370. Sarah Bajc está entre um grande número de amigos e membros das famílias que não acreditam nos relatórios oficiais de que o avião caiu e todos morreram.
 
PASSAGEIRO DO VOO TERIA ENVIADO FOTO DESDE CATIVEIRO
 


Foto supostamente enviada por Wood

FONTE: Jim Stone

 
Uma das mais novas teorias de conspirações sobre o voo MH370 é a de que um passageiro teria enviado uma foto totalmente escura desde o local onde todos estariam presos como reféns.

A foto foi, alegadamente, tirada por Phillip Wood.

A foto pareceria totalmente escura porque Wood estaria em uma cela com os outros passageiros e tripulantes.

Mas a informação mais importante não está na imagem, e sim nas informações Exif contidas nela.

Ao ler as propriedades da foto (que descrevem tamanho, resolução, data, localização, câmera usada, etc), podemos saber exatamente onde e em que condições ela foi tirada.

As propriedades da foto em questão dizem que ela partiu de um IPhone na ilha de Diego Garcia, um território britânico próximo às Maldivas, no Oceano Índico.

Ela se localiza exatamente no meio da área de busca na qual a Malásia diz estar fazendo suas operações.

Para desmentir que tal foto tenha sido enviada e que os passageiros estão sendo mantidos como reféns na ilha, desmistificadores (debunkers) estão dizendo na mídia que nunca existiu um Phillip Wood trabalhando na IBM.

Porém, esta versão já foi dada como falsa, inventada para desviar a atenção das pessoas da história real.

É fácil provar que Wood existiu e trabalhou na IBM, pois ele tem um perfil no LinkedIn (clique no link abaixo para ver)



Perfil de Wood no LinkedIn.

 
Com tantas informações que destroem as mentiras propagadas pelo governo da Malásia e as forças britânicas e norte-americanas, só podemos esperar agora a próxima leva de mentiras elaboradas, aparentemente, a partir de um roteiro de um filme B sem pé nem cabeça.




Fonte: http://futurodanovaterra.blogspot.com.br/




NOTA:
Temos uma sensibilidade espiritual que se manifesta sempre que ocorre algum grande acidente ou crime nebuloso de repercussão na mídia. Através desta sensibilidade nos são mostradas cenas do que realmente aconteceu e como aconteceu.
Quanto ao desaparecimento deste avião, desde que ele ocorreu temos dito em nossas aulas de estudos sobre o livro Terra e os ensinamentos pleiadianos (vide as gravações), que através de nossa sensibilidade sentíamos que ele não caiu e nem foi abduzido por um UFO, como alguns especularam, mas sim sequestrado. E não sequestrado por grupo terrorista e sim por um estado terrorista. 
Posteriormente recebemos a confirmação dos pleiadianos de que o sequestro foi uma ação de terrorismo de estado praticado por governos ligados a grupos da elite mundial (illuminatis) que disputam o poder da Nova Ordem Mundial entre si e teve como objetivo se apoderar de materiais ou pessoas que estavam sendo levados por este avião para a China.
Quando vimos esta matéria, através de nossa sensibilidade sentimos na hora que ela era verdadeira e que retratava o que realmente aconteceu ou esta acontecendo.
Visando confirmar a identidade do funcionário da IBM que transmitiu a mensagem solicitamos a uma pessoa do nosso grupo que também trabalha na IBM que investigasse o assunto e após verificações internas ela constatou que a identidade e as informações sobre Philip Wood são verdadeiras.
Temos que iniciar uma campanha internacional pela libertação destas pessoas, urgente. 




* * * * * * * *



Voo MH370: canceladas as buscas por “destroços”


 

As buscas pelo avião do voo MH370 da Malaysia entram em nova fase


 

 29 de abril de 2014

Após mais de 50 dias, a procura na superfície marítima pelos destroços do Boeing 777, o avião do voo MH370 é cancelada.
O governo australiano anunciou que os esforços se concentrarão a partir de agora apenas no fundo do mar. A decisão foi tomada após o fracasso em encontrar qualquer resquício do Boeing 777 na superfície do oceano.

Depois de 50 dias de trabalhos em infindáveis buscas, não ter resultado no encontro de um único destroço sequer do enorme avião Boeing 777 do voo MH370 da Malaysia Airlines, o governo australiano anunciou nesta segunda-feira (28/04) ter decidido agora limitar as buscas ao fundo do oceano.

tony-abbott

A decisão foi tomada após o fracasso em encontrar qualquer resquício do Boeing 777 na superfície do oceano.
 
“Nós ainda estamos decepcionados e perplexos por não termos sido capazes de encontrar qualquer pedaço de destroços com base nessas detecções”, declarou o primeiro-ministro australiano, Tony Abbott, em referência a um possível sinal emitido pela caixa-preta.
Segundo ele, “é altamente improvável, nesta altura, conseguir encontrar resíduos do avião flutuando à superfície do oceano”.
Quando questionado sobre a extensão da área de buscas, Abbott afirmou que “se necessário abrangerá toda a zona de impacto provável, ou seja, um espaço aproximadamente de 700 por 80 quilômetros”.  Abbott descreveu os esforços internacionais de busca como “os mais difíceis da história” já realizados. Ele ressaltou ainda que 334 voos, uma média de oito por dia, participaram da operação. Mais de 4,5 milhões de quilômetros quadrados foram mapeados.


Diego Garcia-baseEUA
Contudo se procurassem no lugar correto, a Base Militar de Diego Garcia, no meio do Oceano Índico, a aeronave certamente seria encontrada, e intacta… 

Ao assumir que a aeronave pode nunca ser encontrada, o primeiro-ministro disse que este seria um resultado terrível (e inédito). “O avião não pode simplesmente desaparecer. Ele tem que estar em algum lugar.”



manipulação
O voo MH370 sumiu, desapareceu completamente com 239 pessoas a bordo, em sua maioria cidadãos chineses, no dia 8 de março, quando fazia a rota entre Kuala Lampur, na Malásia e Pequim, na China.






Fonte: http://dw.de/p/1BpQH
© 2014 Deutsche Welle
Edição e imagens: Thoth3126@gmail.com
Edição Rafael Plaisant - Data 28.04.2014







NOTA: 
Nós, assim como muitas outras pessoas, já sabíamos que isto iria terminar assim. Infelizmente estes seres menosprezam mesmo a inteligência dos seres humanos.


7 comentários:

  1. Trabalho na IBM aqui no Brasil e realmente existe um colega de empresa da Malasya chamado Philip Wood

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então porque ninguém invadi logo esta base militar isso que estão fazendo é totalmente errado e ninguém faz nada, que merda de paises vivemos onde E. U.A. quer mandar em tudo e os outros paises acatam...isso é uma vergonha,, CHINA , VOCÊS TEM MUITOS PASSAGEIROS CHINESES NESTE AVIAO , INVADAM LOGO ESTE LOCAL OU ELES VÃO MATAR TODOS AGORA QUE JA SABEM SUA LOCALIZAÇÃO

      Excluir
  2. Se alguém quer novas notícias sobre o vôo desaparecido da Malaysia airlines...

    ResponderExcluir
  3. Por que não falam nisso abertamente, dizem que é coisa de louco, e riem..., a mídia não diz nada, quero saber por quê

    ResponderExcluir
  4. seria possivel fazer o uso de satelites,para conseguir vizualizar o avião....ou quem detem isso são os proprios americanos???

    ResponderExcluir
  5. Já que tem a certeza de que o Avião está la mesmo e estão todos mentindo, pq a china e seus outros parceiros não invadem logo a base de DIEGO GARCiA , e vão tirar a prova e vão ver que estão todos lá aprisionados por nada .. E.U.A. são bem safados principalmente barack obama,.
    É preciso invadir logo , pois com essas fortes indicações de que o aviaoa esta la nesta base els vão fazer de tudo para sumir com os passageiros então é preciso correr contra o tempo logo antes que seja tarde demais

    ResponderExcluir
  6. ESSES YANQUES SAO MESTRES EM DESINFORMACAO.VEJA O QUE ACONTECEU NO PENTAGONO EM 2001<<<ESTAO SEMPRE MENTINDO ...

    ResponderExcluir

Grato pela vossa visita e volte sempre.
Antes de comentar leia por favor:

1. Os comentários deste blog são todos moderados e nos reservamos no direito de publica-lo ou não;
2. Escreva apenas o que for referente ao tema;
3. Não publicaremos comentários que visem promoção pessoal ou de site, de blog, de canal ou de qualquer página na internet;
4. Tampouco publicaremos comentário com publicidade, propaganda ou divulgação de empresas, negócios, partidos, religiões ou seitas;
5. Ofensas pessoais, vocabulário de baixo nível ou spam não serão aceitos;
6. Não fazemos parcerias, debates, discussões ou acordos por meio de comentários;
7. Para entrar em contato acesse nosso formulário de contato no rodapé da página;
8. Grato por participar e deixar aqui o vosso comentário.